Trago aqui mais uma resenha de batom ( eu sei que são muitas, mas é porque a gente realmente ama batom!). O lindão dessa vez é o Young Attitude da MAC. Ele é da coleção Retro Matte e é aquele estilo diferentão.

Ele é nada mais nada menos que um azul turquesa enegrecido. Pois é, eu gosto desses batons diferentes, mas como já havia comentado gosto mais quando eles são escuros, pois sinto que valoriza a minha pessoa.
O batom pelo jeito fez muito sucesso nos EUA e por aqui também. Galera tá ousada hein!

A durabilidade dele é bem boa, não precisei passar muitas camadas, e ele é bem sequinho por ser líquido, né? Eu sempre sofro um pouco com a secura desses batons, mas aí passo um pouco de hidratante labial e fica tudo certo.
A cor é linda, durabilidade boa, não muito seco, só o preço que é aquela coisa né..preço de MAC.
Mas olhando aqui na minha coleção achei um dupe dele: Verty da Max Love.

A cor é muito parecida e o preço é ridiculamente mais baixo, mas a qualidade deixa a desejar. Comprei o Verty ano passado e logo que passei na boca fiquei apaixonada, porém assim que passei o dedo ele esfarelou todo. Então quando a MAC lançou esse tive que comprar.
Fica a dica da semana, vou colocar algumas fotos dele aqui o de cima é o Young Attitude e o de baixo Verty.

É isso, amores.
Até o próximo post!

Não é segredo pra ninguém que os batons acizentados estão super em alta, certo?
Tem inclusive vários posts aqui sobre isso.

Até então minha avó não tinha entrado no clima, mas no domingo passado eu e ela estávamos andando no shopping e passamos pela loja Boticário. Quando minha avó estava vendo as maquiagens, algo chamou sua atenção: um batom líquido acizentado.

Não preciso dizer mais nada, né? Eu estava usando o meu Hermione em bala e até a moça da loja falou que era muito parecido, mas minha avó comprou mesmo assim. Pra mim foi ótimo, já que roubo todas as maquiagens dela.

De fato experimentei o batom e estou impressionadíssima com algumas coisas.
– textura: por ser um batom líquido ele é bem seco, mas é super confortável na boca.
– duração: não tive a chance de usar por um dia inteiro, mas ele resistiu à comida, bebida e até hidratante labial.
– cor: a cor é lindíssima, típico rosa/uva/lilás acizentado. Minha avó achou lindo, pois ela falou que não era mega chamativo.

Eu expliquei para ela que, como o batom tem um tom frio, ele é escuro, as pessoas sabem que você está de batom, mas ele não fica chamativo. Se fosse uma cor mais quente, mesmo que mais clara, chamaria mais atenção.
Ah! Ele é da linha Comfort mate, por isso fica tão confortável na boca!

Então está aí mais uma recomendação: batom líquido Taupe Chic da Boticário.

Um beijo e até a próxima!

Vem conferir esses também!

Vim falar hoje de um reality bem famoso nos Estados Unidos e aqui, chamado Little Women L.A. Aqui no Brasil se chama Pequenas grandes mulheres.

É um programa que mostra a vida de mulheres de estatura pequena e como é o cotidiano delas. Típico reality show, que de reality não tem nada. A série bombou tanto que já existem vários spin-offs dela como Little Women NY, Little Women Atlanta e o mais recente: Little Women Dallas, que também estou amando.

Ontem estreou a nova temporada no Lifetime aqui no Brasil e adorei! Fiquei um pouco impressionada com o fato de que praticamente todas elas tiveram filho e estão com problemas de saúde, mas fora isso, continuam as mesmas.

As “personagens” são Terra, que acredito eu que é a produtora da série e pelo jeito um dos nomes mais conhecidos na comunidade de pessoas pequenas dos EUA. Tonya, melhor amiga de Terra, tem uma filha de estatura average. Brianna, a mais baixinha de todas, Elena, uma russa que se casou com um americano e que hoje eles tem dois gêmeos, entre outras…
A idéia do reality é bem bacana, pois mostra a realidade dessas mulheres e homens também, e como nosso mundo não é preparado para pessoas pequenas. Também mostra que elas têm vida normal, vida sexual normal com pessoas pequenas ou não, e tem filhos pequenos ou não.
Super indico a série. Passa as 22:50 no Lifetime e é legal pra abrir os olhos um pouco pro mundo.

A única coisa que eu mudaria é o fato delas brigarem tanto. É briga demais por coisa de menos, mas pelo jeito o público curte, pois todos os spin-offs apostam nas tretas também. Não sei se elas querem provar que podem ser fortes, aí acabam valorizando demais as brigas. De qualquer forma, é um entretenimento.

Fica a dica da semana.
um bjo!

Vem conferir esses também!

Hoje venho falar de mais maquiagem. Dessa vez o tópico é o lindo MAC Halsey.

Ano passado a MAC lançou uns produtos lindos inspirados em alguns artistas da música numa coleção chamada MAC Future Forward. Esse batom no caso foi formulado/ inspirado na cantora Halsey, que sinceramente eu não conhecia antes disso.

A primeira coisa que gostaria de dizer é que tanto eu quanto Thaise testamos o batom. Como Thaise tem a pele negra e eu sou bem branquinha, ficaram muito óbvias as diferenças entre uma e outra.

Pelo batom ser cinza (cinza mesmo, não acizentado!) ele tem uns subtons azuis, que no caso apareceram mais na pele negra da Tatá. Na minha pele ficou mais cinza escuro mesmo.

A fórmula é a dos batons em bala da MAC mesmo, super confortável, super ousado. Ele não é exatamente matte, é mais cremoso. Foi bem fácil de tirar com papel seco pra ter uma idéia.

Ele foi edição limitada, então quem comprou, comprou.
Vale dizer que o cinza já faz sucesso na moda há algum tempo, você vê em cabelos, em make, em unha. Pessoalmente acho uma cor super chique e deixa a gente com cara de elegante.

Vou postar um vídeo aqui de uma menina experimentando o batom pra vocês poderem ver. Eu sou apaixonada! Como já disse em posts anteriores, eu curto cores “diferentes”, desde que sejam escuras. Verde escuro como Crocodile Tears do Jefree e agora Halsey cinza escuro da MAC.

Espero que tenham gostado!
Beijos em todos e todas!

Vem conferir esses também!